Notícias - Cooperfarms

Ontem (06), a comitiva formada por representantes das embaixadas da Argélia, Austrália, Alemanha, Cuba, Canadá, França, Indonésia, Malásia, Tailândia e Vietnã esteve em Luís Eduardo Magalhães e visitou empresas de confinamento de animais e processamento de algodão, finalizando a agenda na Cooperfarms, onde conheceu de perto o modelo de negócio da Cooperativa.

Importante polo da produção agropecuária brasileira, em especial de fibras e grãos, o oeste da Bahia será o destino da 6ª edição do AgroBrazil, programa de intercâmbio da Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA). A iniciativa promove a aproximação entre produtores rurais e representações estrangeiras no Brasil.

A cada safra o produtor rural sente no bolso o encarecimento de insumos indispensáveis para a atividade. Com isso, toda alternativa que agregue valor ao negócio é sempre vista com bons olhos pelo agricultor. No oeste da Bahia, uma estratégia articulada pela Cooperativa dos Produtores Rurais da Bahia (Cooperfarms) tem driblado os custos de produção. 

O Brasil ocupa o posto de terceiro maior exportador agrícola do mundo, segundo dados da Organização das Nações Unidas para Alimentação e Agricultura (FAO), divulgado setembro passado. Nesse cenário, destaca-se o cooperativismo agropecuário responsável por quase 50% do PIB agrícola, de acordo com o Ministério da Agricultura. Dados do último Censo Agropecuário, conduzido pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), aponta que 48% de tudo o que é produzido no campo brasileiro passa, de alguma forma, por uma das 1.613 cooperativas em atividade no país, que reúnem cerca de um milhão de associados e geram mais de 209 mil empregos, conforme aponta a OCB.

Entre os dias 28 e 29 de junho, os produtores rurais Airton Gorgen, Bruno Gorgen e Sandro Zancanaro e o diretor executivo da Cooperativa dos Produtores Rurais da Bahia (Cooperfarms), André de Oliveira, participaram de uma expedição ao Rio Paraná em Ita Ibate, um dos pesqueiros mais famosos da Argentina, localizado na província de Corrientes.

Em Luís Eduardo Magalhães, última parada da comitiva, o grupo encerrou a agenda na Cooperativa dos Produtores Rurais da Bahia (Cooperfarms). Recepcionados pelos diretores consultivos, Odacil Ranzi e Luiz Antonio Pradella, e comercial, Odair de Aguiar, os investidores árabes participaram de uma mesa redonda envolvendo os temas: sistemas agrícolas sustentáveis da Bahia e os desafios e oportunidades de financiamentos no setor de Crop Protection, tendo como moderadores o secretário de Agricultura, Pecuária, Irrigação, Pesca e Aquicultura da Bahia (Seagri), Lucas Costa e o CFO da CCAB Agro, Eduardo Roncalia, respectivamente.

Segundo maior produtor de algodão do Brasil, a Bahia sediou a 1ª edição do Dia do Algodão da Bahia, realizado no último sábado (15), na Fazenda Sete Povos, no distrito de Roda Velha, em São Desidério.

Na segunda-feira (03/06), membros do Fórum das Cooperativas Agropecuárias da Bahia voltaram a se reunir com o Secretário da Agricultura, Pecuária, Irrigação, Pesca e Aquicultura da Bahia (SEAGRI), Lucas Teixeira Costa, em Salvador, ocasião em que o grupo entregou um documento com as demandas estruturais das cooperativas do Fórum.

O diretor consultivo da Cooperativa dos Produtores Rurais da Bahia (Cooperfarms), Luiz Antonio Pradella e o presidente do Sindicato dos Produtores Rurais de Barreiras e cooperado da Cooperfarms, Moises Schmidt, estiveram na segunda-feira (03), em Salvador, tratando com o diretor de Gestão Comercial e de Desenvolvimento na Companhia das Docas do Estado da Bahia (Codeba), Fábio Luiz Lima de Freitas, sobre expansão de embarques de algodão via o Porto de Salvador para o mercado internacional, bem como a importação de insumos agrícolas.

A partir do próximo dia 1º de julho, os produtores rurais (Pessoa Física), que possuem Inscrição Estadual deverão obrigatoriamente emitir Nota Fiscal Eletrônica, a NF-e modelo 55, conforme prevê o Artigo 6º do Decreto Estadual Nº 18.801/2018. Até lá, a emissão da nota fiscal manual de produtor rural acontece de forma facultativa.

A Cooperativa dos Produtores Rurais da Bahia (Cooperfarms) e o agente financeiro Sicredi União MS/TO e Oeste da Bahia firmaram no sábado (1º/06), durante a Bahia Farm Show, um acordo de cooperação entre as cooperativas para concessão de linha de crédito de moeda estrangeira com uma taxa de 9% ao ano para associados da Cooperfarms.

O espetáculo infantil “A arte de se integrar” foi uma das grandes apostas do Espaço do Cooperativismo para o público infantil, durante a Bahia Farm Show. A iniciativa reforça o compromisso das cooperativas em garantir a perpetuidade do negócio e a formação de novas lideranças.