Notícias - Cooperfarms

O presidente da Cooperativa dos Produtores Rurais da Bahia (Cooperfarms), Marcelo Kappes, participou no sábado, (10), do Workshop Associativismo, Cooperativismo e Sindicalismo - As Organizações Sociais e a Gestão do Agronegócio, promovido pelo curso Técnico em Agronegócio da Rede e-Tec Brasil no SENAR (Serviço Nacional de Aprendizagem Rural), Polo Luís Eduardo Magalhães.

Discutir novas tendências do setor, falar sobre futuro e tecnologia e mostrar o que, na prática, muitas mulheres já fazem em suas propriedades pelo país são algumas das marcas registradas do Congresso Nacional das Mulheres do Agronegócio, realizado anualmente, em São Paulo e que, novamente contou com mulheres ligadas ao quadro de associados da Cooperativa dos Produtores Rurais da Bahia (Cooperfarms).

Depois de dar os primeiros passos no agronegócio brasileiro em 2013, ao licenciar um inseticida biológico para o Consórcio Cooperativo Agropecuário Brasileiro (CCAB), no auge de uma infestação de Helicoverpa armigera, a australiana AgBiTech chega de vez ao mercado agrícola local. A companhia lança dois novos lagarticidas à base de bacculovírus, para uso nos principais sistemas de produção brasileiros.

Representantes cooperativistas de todo o estado participarão nos dias 18 e 19 de outubro de 2018 do V Encontro Estadual de Cooperativas Baianas – Bahiacoop, que será realizado no Hotel Fiesta Convention Center, em Salvador. Cerca de 300 participantes estarão presentes durante os dois dias do evento, com o objetivo de disseminar a cultura da cooperação, fomentar o potencial das cooperativas para a realização de negócios e aprimorar a relação entre cooperativas e seus cooperados.

Por unanimidade de votos e com a presença maciça de cooperados, a Cooperativa dos Produtores Rurais da Bahia (Cooperfarms) aprovou na última sexta-feira (05), o novo Estatuto Social da Cooperativa. O novo texto, que esteve em análise por quase dois anos, foi redigido após um amplo diálogo entre cooperados, Conselho Administrativo, assessoria jurídica e diretoria executiva, além de reuniões técnicas com consultorias jurídicas especializadas em cooperativismo e o suporte do Sindicato e Organização das Cooperativas do Estado da Bahia (OCEB), conforme explicou o presidente da Cooperfarms, Marcelo Kappes.

A Cooperativa dos Produtores Rurais da Bahia (Cooperfarms) abraçou mais um movimento de saúde pública: a Campanha Coopere com a Vida. Seja doador de órgãos e avise a sua família, liberada pelo Sistema Cooperativista Baiano, que visa conscientizar e sensibilizar as famílias baianas sobre a importância da doação de órgãos.

No próximo dia 05 de outubro, a Cooperativa dos Produtores Rurais da Bahia (Cooperfarms) realizada Assembleia Geral Extraordinária (AGE), às 19h, na sede da Cooperativa, em Luís Eduardo Magalhães, para deliberar a alteração do Estatuto Social.

Segundo o diretor executivo, André de Oliveira, os principais tópicos em análise serão com a reestruturação de cláusulas devida a expansão das atividades da Cooperativa nesta década de atuação. “A alteração foi proposta para dar mais segurança tanto para a Cooperativa quanto aos cooperados, projetando a Cooperfarms para uma administração profissional condizente com o momento”, disse Oliveira.

Safra 2018/19 - Após a apreciação e votação da pauta, terá a palestra técnica “Previsão do tempo – Safra 2018/19” com o doutor em Geografia, Ricardo Reis Alves. Ricardo tem experiência com pesquisa e docência nas áreas de Clima, Pedologia e Geoprocessamento. Em seu doutorado, estudou as variações do clima do cerrado dos últimos 30 mil anos, na região Oeste da Bahia. É sócio cotista da Empresa Geodrone que é criadora do método de previsão do tempo GeooClima, método de previsão com alta taxa de acerto exclusivo para o MATOPIBA.

Jantar - Encerradas as atividades será servido um jantar.

 

 

Aumentar o conhecimento dos cooperados em relação aos aspectos da comercialização e trading de soja. Esse foi o foco central de um curso de educação em comercialização de soja, incentivado pela Cooperativa dos Produtores Rurais da Bahia (Cooperfarms) e que, marca o início do processo de reestruturação do Departamento de comercialização de grãos da Cooperativa.

Com dados apresentado pelo Conselho Técnico da Associação de Agricultores e Irrigantes da Bahia (Aiba) a safra 2017/18 superou as expectativas divulgada nos últimos levantamentos. As culturas de soja e algodão no oeste da Bahia bateram recordes de produção. A safra registrou uma marca histórica ao contabilizar a produtividade de 66 sacas por hectare, em uma área total de 1,6 milhões de hectares cultivados. O balanço representa um incremento de 23,8% em relação à safra passada.

A alta adesão de associados da Cooperativa dos Produtores Rurais da Bahia (Cooperfarms) ao programa Manejo Consciente idealizado pela companhia Syngenta com o apoio de outras dez fundações de pesquisas agronômicas de todo o país, além de garantir a sustentabilidade da atividade agrícola, também tem contribuído com projetos sociais em Luís Eduardo Magalhães.

Uma comitiva formada por 23 diretores e conselheiros administrativos e fiscais de cooperativas agrícolas da Bahia, entre eles, o diretor tesoureiro da Cooperfarms, Marcelino Kuhnen; o diretor consultivo, Luiz Pradella; o conselheiro fiscal, Leonardo Vicenzi e os diretores executivo e comercial, André de Oliveira e Odair de Aguiar, respectivamente, esteve nesta segunda (03) e terça-feira (04), em Santa Catarina, cumprindo uma agenda estratégica do segmento cooperativista, articulada pelo Serviço Nacional de Aprendizagem do Cooperativismo do Estado da Bahia (Sescoop/BA), através do Fórum Baiano das Cooperativas do Agronegócio.

Desde o mês passado, a Cooperativa dos Produtores Rurais da Bahia (Cooperfarms) disponibiliza de um ambiente com estrutura multimídia aos associados. A Sala do Cooperado – uma “espécie de coworking” exclusiva para cooperados, foi incorporada a estrutura física da Cooperativa com o intuito de aproximar o cooperado, de promover a cultura da intercooperação, além de oferecer um ambiente de trabalho com estrutura completa para reuniões e transmissão de videoconferências de interesse comum à atividade agrícola.