Quinta, 30 Dezembro 2021 13:30

Caminhões carregados de donativos arrecadados por entidades do agro seguem para Angical; situação no município é crítica

Caminhões carregados de donativos arrecadados por entidades do agro seguem para Angical; situação no município é crítica Crédito: Divulgação

Dois caminhões carregados de mantimentos já estão a caminho do município de Angical para amenizar a angústia de centenas de famílias desabrigadas e desalojadas, em função da forte chuva registrada no último final de semana e que devastou dezenas de comunidades no Oeste da Bahia. A ação é uma força tarefa abraçada por produtores rurais e entidades ligadas ao agronegócio regional.
 
Das 431 cestas básicas arrecadadas, somente no ponto de coleta da Cooperfarms, 200 foram doadas pela cooperativa, as demais foram doações voluntárias de cooperados e de outras entidades ligadas ao setor. Também foram contabilizados 63 kits de higiene, 26 colchões e 40 pacotes de fraldas, que seguem para atender famílias angicalenses.
 
Para Marcelo Kappes, presidente da Cooperfarms, o esforço coletivo do setor produtivo regional na arrecadação dos donativos é uma resposta das entidades com o compromisso assumido com suas comunidades. “Desde o início da pandemia o setor tem se mostrado empático e solidário com centenas de famílias carentes e não seria diferente agora, diante os estragos causados pelas chuvas”, pontuou. Essa é a maior enxurrada registrada nos últimos 32 anos, segundo dados do Centro Nacional de Monitoramento e Alertas de Desastres Naturais (Cemaden).
 
Além de cestas básicas, produtos de higiene e limpeza, colchões, travesseiros, cobertores, fraldas e roupas de cama e banho, a campanha está aceitando recursos financeiros que podem ser creditados através de PIX: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo. ou na conta do próprio Instituto (Banco do Brasil| Ag. 7616-3 | CC.259-3 | CNPJ 21.450.640/0001-73). Além da Cooperfarms, outros dois pontos de coletas estão recebendo os donativos em Luís Eduardo Magalhães: sede da Abapa e Centro de Treinamento da Associação. Em Barreiras, as entregas acontecem na sede da Aiba e da Abapa.
 
Segundo a comissão organizadora, além de Angical, os municípios de Cotegipe e Wanderley também serão atendidos de imediato. A logística de entrega está sob a coordenação do 4º Batalhão de Engenharia de Construção (BEC), situado em Barreiras.